Juntem-se a nós clicando AQUI!

domingo, 20 de dezembro de 2009

Rumi: acorrentados pelo desejo de riqueza













Os homens são como demônios,
E o desejo de riqueza suas correntes,
Que os arrasta a labutar na oficina e no campo.
Essas correntes são feitas de seus medos e ansiedades.
Não penses que esses homens não estão acorrentados.
Suas correntes forçam-nos a dedicar-se ao trabalho e à caça,
Forçam-nos a labutar em minas e no mar,
Incitam-nos para o bem e para o mal.

Trecho do livro Masnavi (pg 212)
Rumi, poeta e místico sufi do séc. XIII

Sem comentários:

Enviar um comentário